Comunicação em Situações Difíceis no Tratamento Oncológico
Responsive image

Descrição do curso

A comunicação: componente de humanização desde o diagnóstico até a cura da doença. Atenção na qualificação da comunicação em situações difíceis no tratamento oncológico. Estratégias adotadas por enfermeiros para facilitar a comunicação com pacientes oncológicos. Comunicação de notícias difíceis ao paciente e aos seus familiares.

Conteúdo Programático:

    UNIDADE I
  • Explicar a importância das atualizações na comunicação em situações difíceis no tratamento Oncológico.
  • Identificar os tipos de protocolos padronizados e como aplica-los na comunicação em situações difíceis.
  • Identificar o grau de conhecimento dos estudantes de enfermagem diante da comunicação em situações difíceis no tratamento Oncológico.
  • Interpretar as estratégias utilizadas entre os enfermeiros oncológicos na comunicação aos pacientes e familiares em situações difíceis no tratamento oncológico.

  • UNIDADE II
  • Explicar o impacto da notícia no diagnóstico de câncer de mama em mulheres jovens.
  • Apontar como se dá o processo de comunicação, entre o enfermeiro oncológico e o paciente, sobre o HPV e o câncer de colo de útero.
  • Identificar a importância do enfermeiro à detecção precoce do Câncer de pele.
  • Explicar o significado do diagnóstico do câncer de cabeça e pescoço quanto aos aspectos psicológicos.

  • UNIDADE III
  • Reconhecer o caminho percorrido pela criança, adolescente e suas famílias, desde o início dos sinais e sintomas até a definição do diagnóstico de câncer.
  • Identificar como comunicar o diagnóstico de tumores malignos que acometem crianças e adolescentes.
  • Identificar e realizar cuidados de enfermagem em relação à dor oncológica pediátrica.
  • Explicar a filosofia dos cuidados paliativos em pediatria.

  • UNIDADE IV
  • Descrever o tratamento oncológico com quimioterapia e radioterapia sob os cuidados do enfermeiro.
  • Discutir os conceitos de paciente terminal e cuidados com o fim de vida no suporte não invasivo.
  • Descrever aspectos psicológicos na recidiva do câncer na visão dos pacientes e dos profissionais de saúde.
  • Cirurgias e as novas tecnologias: cirurgia robótica uma melhora no desempenho cirúrgico.