Sistema de Saúde e Organização da Atenção Básica: Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente
Responsive image

Descrição do curso

Morbimortalidade no processo reprodutivo humano e na situação ginecológica. Implicações fisiológicas e psicológicas do ciclo menstrual e da gestação. Planejamento familiar. Cuidado com os principais agravos da saúde da mulher. Problemática da saúde da criança e do adolescente no Brasil. Programa de atenção à saúde da criança e do adolescente. Membros da equipe de saúde e da família.

Conteúdo Programático:

    UNIDADE I
  • Apontar e compreender a morbi-mortalidade no processo reprodutivo humano na situação ginecológica.
  • Identificar as implicações fisiológicas e psicológicas nas diferentes fases de vida da mulher, especificamente quanto ao ciclo menstrual e a gestação.
  • Identificar as implicações fisiológicas e psicológicas nas diferentes fases de vida da mulher, especificamente, puerpério e climatério.
  • Explicar a importância de uma assistência adequada das equipes multidisciplinares no pré-natal, puerpério e climatério nas unidades de ESF.

  • UNIDADE II
  • Identificar as ações desenvolvidas no Programa Rede Cegonha.
  • Explicar a importância da realização do planejamento familiar.
  • Identificar as ações da clínica e do cuidado nos principais agravos da saúde da mulher.
  • Reconhecer a problemática da saúde da criança e do adolescente no Brasil.

  • UNIDADE III
  • Apontar os indicadores de morbimortalidade nacionais em saúde da criança.
  • Apontar os indicadores de morbimortalidade infanto-juvenil.
  • Explicar quais são os programas de atenção à saúde da criança e do adolescente.
  • Explicar como é a assistência à saúde da criança e do adolescente nas unidades de ESF.

  • UNIDADE IV
  • Identificar o papel dos membros da equipe de Saúde da Família no planejamento de ações e avaliação de riscos em saúde da criança e do adolescente.
  • Interpretar a promoção e proteção do crescimento e desenvolvimento infantil.
  • Identificar as ações da clínica e do cuidado nos principais agravos da saúde da Criança e do Adolescente.
  • Explicar sobre a atenção Integrada às Doenças Prevalentes na infância (AIDPI).